30 de jun de 2011

Esse blog também é tudo de bom!!!

It girls: Inspiração direto do VERÃO!: "Mesmo sabendo que o inverno está aqui e que vamos ter que usar e abusar de looks bem quentinhos, já é bom ficar por dentro do que vem por ai..."

Blog da Tatá,tudo de bom!!!

http://blogdatata.com.br/

Nossa Senhora de Guadalupe

Oração à Nossa Senhora de Guadalupe – Padroeira da América Latina - (12 de dezembro)
Ó gloriosa Mãe de Deus, Nossa Senhora de Guadalupe, padroeira da América Latina: Abençoai esta casa e a família que aqui reside.
Protegei nossos filhos, livrando-os das maldades e dos perigos deste mundo. Guardai nosso lar, escondendo-o dos olhos dos maus. Que nesta casa o nome de Deus seja sempre invocado com respeito e amor. Que os seus mandamentos sejam observados com fidelidade. Que vosso bendito nome, ó Mãe querida, seja sempre lembrando com muita devoção. Que a palavra de vosso Filho Jesus seja sempre meditada e seguida todos os dias de nossa vida.
Honra, louvor e glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo: Trindade Santíssima.
Amém.

28 de jun de 2011

Oi gente,que FRIO É ESSE...

Aqui em Ituiutaba está muito frio,ontem fez 15 graus,quando levantei pra ir trabalhar,ufa,parecia que eu estava no sul do país...Não somos acostumados com frio,porque por aqui,que é a terra do calor,já chegou a fazer 48 graus em 2007,mas a média no verão é 40,42 graus,na sombra...
Bom mudando de assunto,troquei de pípula anticoncepcional,e estou toda inchada e com dor de cabeça,mas troquei por uma mais moderna,com menos efeitos colaterais,só que demora no mínimo um mês pra acostumar.Gostaria era de poder ficar sem,mas com esse meu problema (síndrome dos ovários policísticos)se eu parar ganho uns 10 kilos,de um dia pro outro,sem ver,e o pior,vem junto o desânimo,muita vontade de comer carboidratos(por causa da resistência à insulina),não é fácil não...
Ontem comprei várias cenouras,como está muito frio,não vou fazer salada,vou cozinhá-las no vapor,espero que fique bom.
Essa semana quero comprar umas bijus pra mim,pra ajudar a levantar o astral e o visual,bjs.




26 de jun de 2011

ETIQUETA EM EVENTOS PARTE 1

ETIQUETA EM EVENTOS PARTE 2

ETIQUETA EM EVENTOS PARTE 3

ETIQUETA EM EVENTOS PARTE 4

ETIQUETA EM EVENTOS PARTE 5

ETIQUETA EM EVENTOS PARTE 6

Filosofando...

Gente,é difícil não estressar nos dias de hoje,mas com tanta mudança na minha vida,eu me propus a pelo menos tentar ser mais tolerante com algumas coisas.Falta de educação é uma coisa pra mim,fora do meu contexto,coisa de gente diferente mesmo,mas como tenho que conviver com pessoas assim,e respeitá-las,pois o respeito à diversidade na prática é isso,fico tentando entender o contexto da vida delas,pra poder entender o porquê de tanta amargura,mal humor e intolerãncia,quem sabe um dia eu consigo entender...
" ETIQUETA:CÓDIGOS DE COMPORTAMENTO ESTABELECIDOS PARA TORNAR A CONVIVÊNCIA ENTRE OS INDIVÍDUOS CIVILIZADA E PROVEITOSA" FÁBIO ARRUDA.
Não sei se é porque eu nasci em uma família que teve Hotel,por três gerações,e todos,eu disse TODOS nós lá em casa,nunca precisamos aprender a tratar bem as pessoas,isso já é nato em nós.Eu fico indignada em ver como um simples gesto de dizer bom dia,boa tarde,etc,está parecendo que è ultrapassado,não sei se é esse individualismo,essa competividade gerada pelo neoliberalsmo,essa preocupação em ter,ao invés de ser,ou se é simplesmente falta de amor,as pessoas estão perdendo o contato,a amorosidade,a troca,estão simplesmente ficando sós,no meio das multidões...

24 de jun de 2011

PADRE FÁBIO DE MELO - DEUS CUIDA DE MIM

Mensagem linda -Hoje é tempo de ser feliz

Cirurgia de Redução de Estômago

Gente,ontem eu li muita coisa sobre a cirurgia de redução de estômago,porque como vocês sabem,uma das minhas irmãs fez a cirurgia.Não sei ainda se sou contra e nem a favor,mas o que me chamou a atenção,foi o fato de pessoas que não estão tão acima do peso,estarem fazendo a cirurgia,e pessoas cada vez mais jovens.Achei um blog de uma moça de 24 anos que escreveu o seguinte:"eu vou fazer a cirurgia porque quero estar"magrinha" pro meu casamento",e pasmem,ela só pesava 90 kilos,e fez a cirurgia e não conseguiu emagrecer o tanto que queria,em um ano só emagreceu 10 kilos.Outro caso que me chamou muito a atenção foi o caso da adolescente inglesa que chegou a pesar mais de 200 kilos,e hoje pesa 50,sendo destes 50,só de pele são 12,e está anoréxica,correndo o risco de morte.
Malissa Jones, 21 anos, já foi a adolescente mais obesa do Reino Unido. Em 2008, com o ponteiro da balança perto dos 203 quilos, ela recebeu um ultimato: era perder peso ou morrer dentro de alguns meses.
Malissa escolheu a primeira alternativa e enfrentou uma cirurgia no estômago. Era a ajuda que ela precisava para perder 127 quilos e chegar aos 76, meta estabelecida pelos médicos.
Agora, a situação se inverteu: Malissa desenvolveu uma espécie de fobia à comida e está pesando pouco mais de 50 quilos (cerca de 12 são só pele). Precisa engordar para sobreviver.
Antes da cirurgia, Malissa ingeria 15 mil calorias por dia. Hoje, ela come três cenouras cozidas, duas porções de parsnip, um vegetal europeu, e uma batata assada, um total de 300 calorias, menos de um terço do que ela deveria consumir para se manter saudável.
“Meu médico diz que, se eu continuar assim, eu terei apenas seis meses de vida. Eu provavelmente morrerei por causa de um ataque cardíaco, então eu preciso ser perseverante e comer. Estou tentando, mas é muito difícil”, disse Malissa à revista Closer Magazine (o Daily Mail reproduziu alguns trechos).
A tristeza vivida por Malissa é uma das explicações para sua imensa dificuldade em comer. Recentemente, ela vivenciou a perda de seu primeiro filho, Harry. A notícia da gravidez foi uma surpresa, já que seu namorado usava camisinha. Contrariando a opinião médica, os dois decidiram ter o bebê e Malissa diz ter lutado muito para se alimentar adequadamente.
Mesmo assim, perdeu peso durante a gravidez. O bebê nasceu desnutrido e morreu 57 minutos após o parto, realizado no sexto mês de gestação por causa de uma falha no fígado da mãe. “Eu não cheguei a pegar Harry no colo. Não acredito que vá superar isso”. Ela guarda fios do cabelo de Harry e algumas fotos em uma caixa. Após a morte do bebê ela perdeu 63 quilos. Ela diz que era mais feliz quando estava obesa.

Achei esse blog ontem e ele é TUDO DE ÓTIMO!!!

ACHADOS DE MODA: DESEJO DO DIA: UMA COMBINAÇÃO DE CORES LINDA: "Meninas, hoje o meu Desejo do Dia é algo mais simples hehehe quero só usar uma combinação dessas, Pink + Laranja, que eu amo! Quem se arri..."

Presentinhos que ganhei ontem!!!

Gente,as minhas irmãs(como sempre),mandam tantas coisinhas lindas pra mim(de Uberlãndia).Ontem a minha "gemada",minha irmã gêmea, me deu um vestido MARAVILHOSO,preto básico da loja Marisa,uma bolsinha preta e branca chiquérrima,duas rasteirinhas,e um tamanquinho de oncinha,TUDO DE ÓTIMO.É tão bom ter esses incentivos,melhora tanto a minha auto-estima.

22 de jun de 2011

Açúcar X Saúde - Parte 2

Açúcar X Saúde - Parte 2
por Conceição Trucom



Nossa... que bacana. O texto Açúcar x Saúde – Parte 1 - deu o maior ibope. Internautas com depoimentos interessantes, outros pedindo ajuda sobre como consumir menos açúcar, outros demonstrando absoluta revolta pelo tema, pois desejam seguir consumindo seus doces na santa paz e outros, principalmente os pais e filhos de pais muito doentes, pedindo que sejam escritos muitos e muitos textos...

Bem, inicialmente pensava em escrever uma série de apenas 2 partes, mas pelo visto temos muita sugestão para estar compartilhando. Assim, ao longo desta série - Açúcar X Saúde - vou esclarecer sobre os vários tipos de açúcar, o mel, os adoçantes, a estévia e o que mais vier!
É verdade, para a maioria dos adoradores de açúcar, este tema vai parecer um terrorismo.
Imaginem! Mexer com o santo prazer de consumir todos aqueles doces de cada dia!
Entretanto, como estes textos vão para o STUM, um site cujo propósito é o autoconhecimento e a saúde, peço licença para irmos em frente!
E sabe de uma coisa? Não dá para fazer torta de limão sem quebrar ovos (para o merengue). Tudo tem desdobramentos, ou seja, toda informação leva à responsabilidade para decisões mais conscientes, mais sanas.

Obviamente, o primeiro propósito desta série de artigos é que as pessoas tomem atenção para um problema concreto, para o uso exagerado sem a devida consciência dos malefícios, para a necessidade de busca por opções mais saudáveis, para a valorização do paladar, um sentido do prazer e do discernimento nutricional.
Infelizmente o ser humano tem um sério bloqueio em usar o caminho do meio, do bom senso, da criatividade. Se não posso fazer 100%, então não tem jeito mesmo, chuto o pau-da-barraca e faço 0%. A mente viciada deseja muito açúcar, sonha açúcar, imagina açúcar, não consegue pensar outra coisa, raciocinar, vira um fantoche, um zumbi com os olhos vidrados diante da idéia de ingerir um doce. Se não tem um doce, vai leite em pó, vai leite condensado, vai açúcar de colher. Vejo um doce e esqueço todos os meus propósitos, todas as minhas prioridades.

Esquecemos que entre zero e 100 existe uma infinidade de opções. Se o açúcar branco é muito maléfico para a saúde humana, que tal ativarmos nossa criatividade e encontrarmos outras opções, outros sabores, outras quantidades?
Que tal usar a informação para ativar a força de vontade, a auto-estima, a determinação, a motivação para buscar uma salada de frutas, uma fruta assada, um bolo integral feito com metade do açúcar (mascavo); usar frutas secas, mastigar mais todos os alimentos e achar o seu sabor sem embotar as papilas com toneladas de açúcar?
Sabe o que acontece? O açúcar em excesso, independente de ser proveniente de uma fruta, um bolo ou biscoito, é um alimento que entorpece, que seda, que acomoda, que nos coloca numa postura mais YIN, mais passiva.

Pelo fato de entorpecer e sedar, a lucidez e a clareza ficam em alguma instância prejudicadas. Isto é cultural. Os pais enchem as crianças de açúcar para elas ficarem mais dóceis; os escravos eram supridos de açúcar para ficarem mais dopados, porém felizes.
E o pior é que as pessoas viciadas em açúcar não percebem isso porque não têm referência. Como seria você se não consumisse tanto açúcar? Como seria sua disposição? Sua capacidade de concentração? Sua capacidade de realizar todos os seus desafios de cada dia? Sua capacidade de ser mais participativo e ativo nas relações? Sua serenidade? Sua ansiedade?
Fica esta proposta no ar: Como você seria se consumisse (somente por uma semana) metade do açúcar que consomes hoje?
Passo abaixo um texto e depoimento da Adriana Alves do site www.todos-os-sentidos.com.br

PALADAR - CULPA, ESSE PESO...

Quem come depressa, come mais e saboreia menos. E quem se sente culpado pelo bombom, pela batatinha ou pela tigelinha de pistache faz isso mesmo: engole rápido para diminuir a sensação de pecado, não sente o gosto da comida, ganha peso... e mais culpa.

O cheiro e o sabor de uma comida gostosa são um prazer e tanto...
Para algumas pessoas o chocolate é a maior tentação... O motivo? Porque é a combinação perfeitamente irresistível de duas coisas muito apreciadas: açúcar e gordura, sem falar de textura, aroma e sabor... A ciência nem precisa nos explicar que o chocolate produz endorfinas que inundam o cérebro de prazer (nós já sabemos...).
Quem sente muita culpa quando é invadido pelo desejo de comer chocolate (porque está em regime, ou não quer engordar...) fica tentando equilibrar a força de vontade entre jamais comer a gostosura e o impulso de engolir todo o qualquer tipo de chocolate que apareça... Ao sucumbir (o que é freqüente) sente tanto remorso que come tudo bem rápido para diminuir o tempo de culpa, e nesse processo o prazer é encurtado.
As papilas gustativas precisam de tempo para detectar e experimentar as sensações. Se a comida passa correndo goela abaixo, será necessário comer mais e mais, enchendo o estômago, sem saciar o apetite (que é diferente da fome).
DICAS: coma sentado o chocolate, degustando cada pedacinho, sem pressa e sem preocupação...
-Outra maneira de manter o prazer da cervejinha gelada é beber água para matar a sede, deixando a bebida alcoólica apenas para o deleite ocasional.

CÉU E INFERNO
Não há garantia de que você irá para o céu se comer salada todos os dias, ou padecer no inferno porque vez por outra come um bombom. Contudo, se você nunca come legumes e verduras, mas se "entope" de bombons, é natural que algumas conseqüências possam lhe acontecer aqui na Terra mesmo! A sabedoria está no equilíbrio...

E um DEPOIMENTO da Adriana para ajudar a todos no escutar do seu corpo:
Um dia notei que chocolate com açúcar me dava náuseas, pressão baixa e dor de cabeça. Diferente do chocolate puro. Com muita atenção, percebi que talvez o próprio açúcar branco estivesse me fazendo mal - porque esse mal-estar aparecia também quando eu comia aquelas sobremesas "maravilhosas" e atrativas.
Procurei algumas leituras sobre o assunto e percebi que poderia estar certa. Fiquei até assustada.
Decidi simplesmente cortar o açúcar da minha dieta alimentar.
Inacreditável! No primeiro dia, fiquei ansiosa... sem motivo específico. No terceiro dia sem açúcar eu tremia, tive crises agudas de ansiedade. Então, para não ser tão radical, comia uma vez por dia colheres de leite condensado, até conseguir me livrar destes sintomas e do vício.
Isso tem quase dois anos, e hoje, ingiro açúcar apenas em eventos sociais ou situações desse tipo. Emagreci por volta de 20 Kg, associando o abandono do vício do açúcar com uma dieta pobre em gorduras. Enfim, fiz uma revolução na minha beleza exterior, partindo apenas da ATENÇÃO em relação ao meu estado de ânimo e aos sinais que o meu corpo sempre emitiu - e por ignorância eu não atendia.
(Conceição Trucom é química, cientista, palestrante e escritora sobre temas
voltados para o bem-estar e qualidade de vida.)

Açúcar X Saúde - Parte 1

Açúcar X Saúde - Parte 1
por Conceição Trucom



Falando, escrevendo, dando dicas e receitas da Alimentação Desintoxicante ou sobre o poder terapêutico do Limão, sempre surgem pessoas perguntando: posso colocar açúcar no meu suco desintoxicante? Posso tomar o limão com açúcar? Posso usar mel? Posso usar adoçantes?
Enfim, mesmo tendo como ponto de interesse a desintoxicação e um tratamento de saúde, as pessoas insistem em adoçar a sua grande oportunidade de cura. Vejamos o quanto de in-sano (não saudável) existe nesta necessidade.

Até cerca de 300 anos atrás a humanidade não usava aditivos doces na sua dieta ordinária. Os povos antigos e civilizações passadas não conheciam este famoso aditivo doce. O mel era usado eventualmente, mais como remédio. Como remédio!

Este processo histórico prova que o açúcar é desnecessário como alimento. Foi só a partir dos dois últimos séculos que o açúcar começou a ser produzido em larga escala e ser consumido de forma cada vez mais intensa. Cada vez mais purificado, o açúcar de cana (ou beterraba) se transformou em sacarose branca. Um pó branco.
Hoje somos uma civilização consumidora de milhares de toneladas diárias de açúcar. O açúcar refinado é o resultado de um processamento físico-químico que extrai da garapa a sacarose purificada e anidra, usando e adicionando produtos químicos como clarificantes, antiumectantes e agentes de moagem. Aditivos químicos, sintéticos, muitas vezes cancerígenos e/ou danosos à saúde.

O açúcar refinado deve ser considerado como um produto quimicamente ativo, pois se trata de uma substância resultante de um processo de purificação, um concentrado. Do xarope inicial, além de evaporado, são retiradas fibras, proteínas, sais minerais, vitaminas, impurezas etc. O produto final é a sacarose concentrada a mais de 90%, um carboidrato de elevado poder calórico e de liberação de glicose no sangue. Um alimento vazio de nutrientes, ao contrário, rico em aditivos e resíduos de um processo físico-químico, razão pela qual devemos considerar o açúcar como um não alimento, zero de energia vital, portanto, como na classificação do livro do Dr. Soleil – Você sabe se desintoxicar? - um alimento biocídico (bio = vida + cídico = que mata).

O corpo humano não necessita de açúcar refinado. O que ele realmente necessita é de glicose, ou seja, o tijolo básico dos carboidratos. Mas essa glicose pode ser facilmente obtida a partir de uma alimentação balanceada, onde frutas, cereais integrais, legumes e hortaliças são consumidas diariamente. Ao contrário do que dietas como a do Dr. Atkins e a de South Beach preconizam (quando evitam o consumo de carboidratos), a glicose é o principal combustível de ser humano, portanto é muito importante para o seu pleno metabolismo, quando gera energia de crescimento, regeneração, movimento, pensamento e manutenção. Assim, consumida da forma correta, de fontes naturais, que inclusive o organismo precisa digerir para obtê-la, existem tempos e condições que só fortalecem e favorecem o organismo.

Mas, o slogan afirma: "açúcar é energia".
Entretanto, esta é uma citação enganosa, pois na verdade, o correto seria dizer que: "açúcar é uma injeção de glicose na veia, ou seja, superabundância de energia química concentrada.
E aí reside o problema: açúcar refinado é sempre excesso de energia, acima das necessidades reais. E, uma vez ingerido, para onde vai este excesso?
• Depósito de gordura corporal nas vísceras, órgãos, sistemas...
• Maior demanda de energia metabólica (estresse metabólico) para contornar as desarmonias energéticas geradas;
• Envelhecimento precoce, pois a célula só usa o que necessita, todo o resto passa a ser um "estorvo" metabólico;
• Estímulo excessivo do pâncreas;
• Depressão do sistema imunológico, incluindo problemas como doenças repetitivas; • Desmineralização orgânica, incluindo problemas de anemia, dentes e ossos; • Subnutrição pela depressão de enzimas digestivas, portanto pobre aproveitamento e fixação de nutrientes e;
• Problemas digestivos, gases, constipações, etc.

Ao se consumir um produto extremamente concentrado, isolado, será exigido do organismo uma compensação química. Ou seja, serão seqüestrados cálcio e magnésio do metabolismo e das reservas. Então, indiretamente, o açúcar "rouba" do organismo depósitos destes minerais, e esta carência de cálcio, magnésio e ferro aumenta quanto maior a ingestão de açúcar. Podemos afirmar então que o açúcar é descalcificante, desmineralizante, desvitaminizante, um agente de desarmonização metabólica. Açúcar não é "alimento", mas um "antinutriente".

Lembrmos que no consagrado livro de Willian Dufty - Sugar Blues - ele considera o açúcar como uma "droga doce e viciante que dissolve os dentes e os ossos de toda uma civilização".
E o pior, seus efeitos são como o de uma verdadeira droga, lentos, acumulativos e insidiosos, vão minando a saúde dia após dia, ano após ano.

Importante lembrar que todo alimento classificado como carboidrato ou energético, que são os cereais e suas farinhas, as frutas, os legumes e as verduras, são assim denominados porque se transformam em glicose durante seu processo digestivo. Também, uma pequena parte das carnes e até mesmo das sementes se converte em glicose.
Portanto, numa alimentação balanceada e consciente, esta é a rota energética natural de mantemos as necessidades bioquímicas do corpo. Isso explica por que povos antigos não necessitavam de açúcar extra.

Assim, se levarmos em conta que não necessitamos de açúcar extra, tudo o que se consome de açúcar nestes três últimos séculos é excessivo, exagerado, muito além do que o organismo necessita.

Vamos ao bom senso? O mais importante é fazer com que cada indivíduo entenda que a alimentação natural, sem aditivos doces, contém quantidades suficientes de glicose e energia. Não são necessários aditivos adoçantes nem açúcar.
Já que o açúcar refinado existe e é impossível negar seus prazeres, vamos ao bom senso, à criatividade, ao adaptar-se? Nestes tempos de modernidade e high tech, ingerimos muito mais "energia" do que o necessário. Principalmente porque a humanidade está muito menos física, ao contrário, mais sedentária.

E, como estamos falando de uma droga, quem consome muito açúcar torna-se um dependente orgânico, e quanto mais intoxicado, mais deseja açúcar, mais sedentário, porque tende a ter menos força física, emocional e mental. Grandes consumidores de açúcar geralmente são fracos, astênicos, e acreditam que não podem fazer nada sem consumir um pouco de doce.
O Brasil, um dos maiores produtores de açúcar do mundo, tem um problema cultural, pois sua economia iniciou-se pelo cultivo da cana. Infelizmente, o brasileiro consome cerca de 200 gramas de açúcar/dia. Por extensão são cerca de 6 quilos/mês ou 72 quilos/ano.

Portanto, a cada 13 anos a pessoa consome 1 tonelada de açúcar. Então um cidadão brasileiro de 40 anos já fez passar pelo seu organismo algo como 3 toneladas de açúcar.

Referência: "Relatório Orion" - Dr. Márcio Bontempo - L&PM Editores.

Dra Pamela Peeke em entrevista à tv americana CBS

Trecho do livro Body for life para mulheres

Dica de leitura e Bom dia à todos!!!

Eu ganhei esse livro do meu marido,e ele ficou guardado por algum tempo,depois retomei a leitura dele e é muito bom,pois traz pesquisas realizadas com nós,mulheres,pois eu não sabia,mas as pesquisas realizadas com o corpo e a mente humanos,eram realizadas em sua grande maioria apenas com os homens.Essa pesquisa de gênero realizada nos últimos 20 anos,nos traz melhores opções de como cuidar do nosso corpo,lidar com o stress diário,com as nossas mudanças hormoniais,e a Dr Pamela traz isso muito bem escrito no livro.Aos poucos irei colocando trechos do dele aqui,pois não achei quase nada na net para postar aqui hoje,achei apenas uma entrevista.Bom dia,e força na caminhada!!!

20 de jun de 2011

A importância da cenoura.Estou comendo todos os dias, ralada com limão china e sal.

Propriedades da cenoura para emagrecer


Na hora de começar uma dieta para emagrecer, você precisa pensar na cenoura, e mais especificamente nas propriedades da cenoura para emagrecer.

As propriedades da cenoura para perder peso são muitas, e o melhor é que ela se carateriza por ser um vegetal diurético que favorece a eliminação de líquidos, e que brinda o benefício de desintegrar os cálculos renais.

É bom você adicioná-la às suas comidas já que para cada 100 gramas de cenoura você terá apenas 42 calorias, tem uma enorme quantidade de fibra (o que acelera o trânsito intestinal e ajuda a desintoxicar o corpo); e o seu conteúdo de água ajuda a saciar a fome e faz dela um bom diurético.

Outro bom dado para os amantes da cenoura é que ela contém antioxidantes, que todos sabemos que fazem maravilhas pela nossa saúde. Por isso nem duvide em começar a incluir a cenoura nas suas comidas, seja crua ou cozida.

Pesagem do dia:80.500,que ÓTIMO!!!

Estou muito feliz hoje,realmente quando se quer alguma coisa e luta por ela,acontece.Não é apenas o número na balança,mas a satisfação de estar me sentindo bem melhor,com mais disposição,com a auto-estima melhorando,e claro,até a pele fica mais bonita,o sorriso,o astral.A caminhada é longa,mas graças a mim e com a ajuda de DEUS,eu começei...

18 de jun de 2011

Muito interessante como o intestino é um orgão tão importante para o o nosso corpo

Preserve a flora intestinal
Um universo de micro-organismos vive no interior da sua barriga. Reconhecida como um órgão acessório do corpo humano, essa comunidade é considerada fundamental para entender, prevenir e atacar infecções, doenças nervosas, tumores e até o excesso de peso


Já cansou de frases do tipo "Você é o que você come" ou "Você é o que você pensa"? Então, que tal esta: "Sua saúde é reflexo das bactérias que moram no seu intestino". A sentença foi exagerada de propósito para você começar a cultivar a ideia de que os trilhões de micróbios alojados dentro do seu ventre influenciam, a exemplo da dieta e do estado mental, tanto o bem-estar como o risco de problemas não restritos ao aparelho digestivo — até mesmo no cérebro.

O gastroenterologista Thomas Borody investiga em New South Wales, na Austrália, o elo entre a microbiota, o nome científico da flora, e a doença de Parkinson. Após dar antibióticos a portadores do problema que também tinham constipação de fundo infeccioso, ele notou que, além da prisão de ventre, os tremores foram atenuados. "Há uma hipótese de que um micróbio patogênico no intestino possa estar por trás do mal", diz. No caso, ele migraria pelos nervos até a massa cinzenta. "Pessoas com Parkinson costumam sofrer de constipação, mas a relação da doença com a flora ainda não foi comprovada", ressalva a neurologista Vanderci Borges, da Academia Brasileira de Neurologia. De qualquer forma, é esperar para ver.


Na casa dos trilhões

Os números nos dão ideia do tamanho e do impacto da flora no organismo

2 quilos - Chega a essa marca a fração do nosso peso que corresponde à carga da microbiota intestinal

10 vezes mais - Existem 100 trilhões de micróbios abrigados no intestino, número que supera os 10 trilhões de células do corpo humano

200 espécies - Cada um de nós aloja entre 100 e 200 espécies de bactérias intestinais, mas existem até mil tipos que podem habitar o intestino humano

Entre 1 milhão e 10 milhões - É o número de bactérias presentes em 1 mililitro de um material colhido no intestino grosso, pedaço mais colonizado do aparelho digestivo

Em ordem, a flora pode afastar infecções e doenças inflamatórias

Indiscutível é a importância das bactérias que povoam o intestino na nossa imunidade. A colonização começa quando deixamos o ventre materno. A amamentação e o contato com o mundo — e seus microscópicos habitantes — asseguram a formação da flora, que, com o tempo, adquire um padrão harmônico. "Além de ativar as células de defesa, essas bactérias impedem a invasão de micróbios nocivos", explica a microbiologista Regina Domingues, da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Uma flora estável não só treina como ajuda a regular o sistema imunológico, diminuindo inclusive a probabilidade de ele se tornar sensível demais. "Quando se evita a colonização em experimentos com animais, eles se tornam mais suscetíveis a alergias", conta o biólogo brasileiro Daniel Mucida, chefe do Laboratório de Imunologia de Mucosas da Rockefeller University, nos Estados Unidos.

Será que suportaríamos uma infecção se fôssemos desprovidos de flora? Eis uma pergunta difícil, mas que pode ser elucidada graças a estudos com animais criados para não abrigar germes, caso dos camundongos do laboratório da professora Leda Vieira, do Departamento de Bioquímica e Imunologia da Universidade Federal de Minas Gerais. Ao nos alimentarmos, nós, seres humanos, ingerimos vez ou outra uma bactéria chamada salmonela, cuja presença passa despercebida ou causa diarreia. "Só que, quando colocamos uma única delas no tubo digestivo dos animais sem microbiota, eles morrem", conta Leda.

É de supor, então, que, se alojassem micro- organismos ali, os ratinhos teriam mais sorte, certo? A professora Leda fez o teste. "Ao introduzirmos um lactobacilo no intestino dos bichos e, mais tarde, injetarmos uma bactéria nociva ali, observamos uma reação imunológica e, com isso, os animais sobrevivem", relata. Mas os favores prestados pelos hóspedes invisíveis não se resumem a prevenir infecções: a flora também participa do controle dos processos inflamatórios. "Existem bactérias que induzem inflamação e outras, como o Bacteroidis fragillis, que estimulam o sistema imune a inibir essa resposta", diz Mucida. Esse serviço ajuda a suprimir doenças crônicas que irritam o intestino, como a colite. E, com menos inflamação na área, menor também o risco de um tumor.

Outra descoberta recente legitima a autoridade da flora. "Há um tipo específico de linfócito, uma célula de defesa, que depende das bactérias do intestino para entrar em ação", conta Daniel Mucida. De acordo com a composição da microbiota e a predisposição do indivíduo, essas células desempenhariam um papel protetor ou, então, se envolveriam em doenças autoimunes. Não à toa, cientistas querem entender melhor a interação entre flora e hospedeiro e já estudam formas de alterá-la com o intuito de abrandar esses males marcados pela agressão das próprias defesas.

Transplante de micróbios

Uma técnica experimental leva um pedaço da microbiota de alguém saudável para o intestino de uma pessoa com algum problema. É o transplante fecal, já testado em seres humanos com bons índices de sucesso. "As fezes do doador são analisadas e, se estiverem livres de parasitas, introduzidas via retal após a lavagem intestinal", explica a nutróloga Jacqueline Alvarez-Leite, da Universidade Federal de Minas Gerais. O método propicia mudanças expressivas no padrão da flora e é avaliado contra doenças nervosas, autoimunes e obesidade.

Bactérias no comando

A ciência explica como elas influenciariam diversas doenças e funções do corpo

CÉREBRO
Há indícios de que a composição da microbiota favoreça a doença de Parkinson. Bactérias nocivas conseguiriam viajar pelos nervos até o cérebro e induzir uma degeneração. Pesquisas acenam que o estado da flora também repercute no humor.

SISTEMA CARDIOVASCULAR
Quando a flora está equilibrada e bem alimentada, algumas bactérias liberam propionato, substância que é enviada ao fígado, onde reduz a produção de colesterol. Com menos gordura circulante, cai o risco de placas obstruírem as artérias.

OBESIDADE
Pessoas magras e gordas têm microbiotas diferentes. A suspeita é que o padrão da flora facilite o ganho de peso — e intervir nele seria uma maneira de eliminar os quilos a mais. Quando se transpõem fezes com bactérias do intestino de ratos magros para o corpo de bichos obesos, estes emagrecem.

NO PRÓPRIO INTESTINO
Acredita-se que algumas bactérias estimulem e outras atrasem os movimentos naturais desse órgão, patrocinando a constipação. Uma flora saudável também tem micro-organismos produtores de butirato, substância que conserva as células intestinais, espantando tumores.

DOENÇAS AUTOIMUNES
Parece haver uma conexão entre a microbiota e distúrbios como artrite reumatoide e diabete tipo 1. Uma hipótese explica a erupção desses males pela baixa exposição de crianças a micróbios, inclusive os que habitariam o intestino.

IMUNIDADE
Uma flora em harmonia evita que bactérias com potencial maligno prevaleçam e barra o ataque de micróbios externos. Além disso, modula o sistema imune, participando da ativação ou desativação de processos inflamatórios.


Recrute moradores novos e alimente os bons inquilinos já instalados

As bactérias que residem dentro da barriga influenciam inclusive o tamanho dela. A microbiota de alguém magro tem um padrão diferente da encontrada no indivíduo acima do peso. "Nos obesos, prevalecem bactérias mais gulosas, com maior capacidade de extrair nutrientes do corpo", conta Regina. Não por menos, cientistas americanos estão avaliando o transplante fecal entre pessoas em forma e gorduchas — algo que dá certo em ratos.

A flora também tem repercussões diretas sobre alguns órgãos. Ao colocar micro-organismos no intestino de camundongos, a fisiologista Sandrine Claus, da Universidade de Reading, na Inglaterra, observou que essa colonização instiga o fígado a aumentar a oferta de energia ao organismo. "A microbiota ainda estimula enzimas envolvidas no processamento de remédios", revela.

Seus micróbios particulares não vivem de ar e, mais do que alimentá-los, todos deviam convidar novos habitantes para se juntar à comunidade. Quando começamos o dia saboreando um mamão com granola, por exemplo, as bactérias fazem festa por causa da fibra, que não é digerida pelo corpo, mas devorada pelos pequenos comensais. "Essa substância é considerada um prebiótico porque favorece o crescimento dos micro-organismos benéficos", diz o gastroenterologista Orlando Ambrogini, da Universidade Federal de São Paulo. O banquete termina em vantagens para a nossa espécie: bem nutridos, os micróbios liberam moléculas que protegem o cólon.

A ciência também endossa o chamado por novos hóspedes, como lactobacilos e bifidobactérias. São eles os probióticos, disponibilizados por iogurtes e leites fermentados. "Para receber essa classificação, a bactéria tem de sobreviver ao estômago. Até 90% dos micro-organismos morrem em contato com o suco gástrico", explica a farmacêutica Yasumi Kimura, da Yakult, empresa que pesquisa probióticos há mais de sete décadas.

É preciso esclarecer, porém, que nem toda bebida láctea ou iogurte oferece os bichinhos. "O produto precisa fornecer pelo menos um tipo de bactéria com benefício comprovado em quantidade acima de 100 milhões por mililitro", diz a farmacêutica Maricê Nogueira de Oliveira, da Universidade de São Paulo. Por isso, atenção ao rótulo, que deve anunciar se a bebida leva esse título e identificar suas bactérias. A recomendação é engolir cerca de 1 bilhão dessas criaturas por dia — um frasco de leite fermentado, por exemplo, oferta mais de 10 bilhões.

Os probióticos, no entanto, precisam ser convocados diariamente. "Eles se mostram eficazes enquanto são ingeridos, porque nem sempre se incorporam permanentemente à flora", explica a nutróloga Jacqueline Alvarez-Leite. O ambiente é competitivo, mas lembre-se: sempre cabe mais um.

Seus filhos agradecem

Repare que os hábitos intestinais dos bebês demoram a entrar nos eixos. Um dos motivos é justamente o processo de formação da flora, que desde cedo merece ser bem cuidada. "As crianças podem começar a tomar probióticos após o primeiro ano de vida ou o fim da amamentação", diz a farmacêutica Yasumi Kimura. Além dos leites fermentados e iogurtes, o ideal é acostumá-las a uma dieta rica em fibras. Uma microbiota em harmonia se traduz em um número ideal de visitas ao banheiro e em menor risco de infecções — até otites podem ser prevenidas.
DIOGO SPONCHIATO

Ontem o dia não foi bom, mas melhorou no final...

Ontem o dia não foi legal,algumas coisas que eu tinha programado não deram certo,mas quando sai do trabalho resolvi passar na farmãcia,e claro me pesei novamente,nem acreditei quando olhei no ponteiro,estava marcando 81.300,muito bom,pois fazia só cinco dias de mudança,e já eliminei algumas gramas,poucas,mas muito significativas.Mas eu sei que é assim mesmo,é grama a grama que vamos vencendo essa doença que se chama obesidade.
Uma coisa que estou fazendo pra me distrair é baixar séries antigas(no meu caso porque sou historiadora,e amo coias antigas)e fico assistindo,analisando aquela época,roupas,etc,e isso tem me distraido a mente e me acalmado também,e a ansiedade também está diminuindo,fica ai a minha dica,by

16 de jun de 2011

Minha Receita de Barrinha de Cereal

Acabei de fazer essa receitinha e ficou MARAVILHOSA.Eu estava comprando as barrinhas prontas,mas quando li os ingredientes delas fiquei chocada,TODAS,EU DISSE TODAS,tem gordura vegetal hidrogenada na sua composição,e pra ficar ainda pior também tem glucose de milho,então resolvi ir pra cozinha,eis ai a receita:
150 gramas de semente de linhaça dourada triturada,(usei da natural life)
150 gramas de Amaranto em flocos orgânico(também da natural life)
150 gramas de aveia em flocos
1 colher de sopa de manteiga de leite
1 chávena e meia de mel
1 chávena de uvas passa
1 tablete pequeno de chocolate ao leite para a cobertura
Modo de fazer:misturar todos os ingredientes,exceto o chocolate,e levar ao fogo por 10 minutos,mexendo sem parar,colocar em um tabuleiro untado com manteiga,e cobrir com o chocolate derretido,esperar esfriar e cortar,depois embrule em filme plástico ou papel manteiga.

Quarto dia...

Não é fácil mudar hábitos,mas como diz a minha amiga Sandra:"ficar parada sem fazer nada, sem lutar vendo a vida passar é muito pior"...Ontem não teve jeito de almoçar,comi um salgado com suco de laranja,e confesso que não gostei,senti falta da comida caseira,das verduras e legumes e da fruta de sobremesa.Como não tive aula ontem,deu tempo de fazer uma jantinha bem gostosa,fiz arroz,feijão,repolho afogado(na panela de teflon,sem óleo),as minhas cenouras cruas com limão,bife e de sobremesa uma banana no microondas com canela,tudo de bom.Hoje no café fiz torradas(com pão amanhecido mesmo),tomei café preto e comi uma coalhada,tudo de bom mesmo,vida saúdavel e exemplo pra Veve.E tô muito feliz hoje,tenho uma seguidora,kibon

Essa família é um exemplo de determinação e força de vontade!!!

Biscoito de amaranto é receita para perder peso

Joy Fit Club - Kymm lost 144 Pounds

Joy Fit Club - Reacheal shed 112 pounds

Joy Fit Club - Leah is now 150 pounds-Apesar se der em inglês,é muito estimulante para nós vermos como quando queremos,conseguimos atingir os nossos objetivos!!!

F.R.I.E.N.D.S - Entrevista Parte 1

F.R.I.E.N.D.S - Entrevista Parte 2

F.R.I.E.N.D.S - Entrevista Parte 3

F.R.I.E.N.D.S - Entrevista Parte 4

Friends

http://www.youtube.com/watch?v=JYygmGe0jyE

13 de jun de 2011

Não foi um dia fácil,mas tô firme na R.A.

Mudar não é fácil,mas é necessário.Eu já fiz tanta coisa na minha vida,principalmente para outras pessoas e porque é tão difícil cuidar de mim?Acho que é falta de costume mesmo,e todo novo hábito requer um pouco de paciência,então que venha o hábito de cuidar melhor de mim,porque eu mereço,eu me amo,eu sou uma DIVA!!!

Pesagem:82.700-13/06/2011

Cardápio de hoje:
Café-da-manhâ:
1 copo de leite desnatado com nescafé
4 bolachas de água e sal com manteiga
1 fatia de mamão
lanche:
1 actmel de morango
almoço:
2 colheres de arroz branco
2 colheres de feijão
1 bife de carne bovina
1 tomate
1 fatia de melão
lanche:
1 actmel
jantar:
1 prato de sopa
2 bananas com canela(microondas)
ceia:
1 copo de leite com achocolatado

12 de jun de 2011

Recomeçando,amanhã é um novo dia,uma nova oportunidade,então,vamosimbora...

Recomeçar

RECOMEÇAR
Não importa onde você parou…
em que momento da vida você cansou…
o que importa é que sempre é possível e
necessário “Recomeçar”.

Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo…
é renovar as esperanças na vida e o mais importante…
acreditar em você de novo.
Sofreu muito nesse período?
foi aprendizado…
Chorou muito?
foi limpeza da alma…

Ficou com raiva das pessoas?
foi para perdoá-las um dia…

Sentiu-se só por diversas vezes?
é porque fechaste a porta até para os anjos…
Acreditou que tudo estava perdido?
era o início da tua melhora…
Pois é…agora é hora de reiniciar…de pensar na luz…
de encontrar prazer nas coisas simples de novo.
Que tal
Um corte de cabelo arrojado…diferente?
Um novo curso…ou aquele velho desejo de aprender a
pintar…desenhar…dominar o computador…
ou qualquer outra coisa…

Olha quanto desafio…quanta coisa nova nesse mundão de meu Deus te
esperando.

Tá se sentindo sozinho?
besteira…tem tanta gente que você afastou com o
seu “período de isolamento”…
tem tanta gente esperando apenas um sorriso teu
para “chegar” perto de você.

Quando nos trancamos na tristeza…
nem nós mesmos nos suportamos…
ficamos horríveis…
o mal humor vai comendo nosso fígado…
até a boca fica amarga.
Recomeçar…hoje é um bom dia para começar novos
desafios.
Onde você quer chegar? ir alto…sonhe alto… queira o
melhor do melhor… queira coisas boas para a vida… pensando assim
trazemos prá nós aquilo que desejamos… se pensamos pequeno…
coisas pequenas teremos…
já se desejarmos fortemente o melhor e principalmente
lutarmos pelo melhor…
o melhor vai se instalar na nossa vida.
E é hoje o dia da faxina mental…
joga fora tudo que te prende ao passado… ao mundinho
de coisas tristes…
fotos…peças de roupa, papel de bala…ingressos de
cinema, bilhetes de viagens… e toda aquela tranqueira que guardamos
quando nos julgamos apaixonados… jogue tudo fora… mas principalmente… esvazie seu coração… fique pronto para a vida… para um novo amor… Lembre-se somos apaixonáveis… somos sempre capazes de amar muitas e muitas vezes… afinal de contas… Nós somos o “Amor”…
” Porque sou do tamanho daquilo que vejo, e não do
tamanho da minha altura.”

Carlos Drummond de Andrade.